Google+ SOMBRAS DA MEMÓRIA: 7/fev/2008

Translate/traduza

Pesquisar na web

No último momento...









Não sei se é a saudade ou uma memória vaga,
sem contornos nem parâmetros definidos...
Não sei... Por instantes, fui sobressaltado por uma imagem grandiosa de um lugar impossível...
Vislumbrei a silhueta do teu corpo na contraluz pálida do anoitecer...
Não sei se eras tu ou a imagem que criei de tanto te imaginar na tela branca e negra...
Não sei se desejava pintar o teu corpo ou apenas esboçar a tua Alma...
Não sei... Senti sempre, que os teus contornos do corpo e da alma não se fixariam nunca...
Amadureci o branco da tela, coloquei-o numa parede e consegui criar a tua ausência...

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails