Google+ SOMBRAS DA MEMÓRIA: 18/mar/2009

Translate/traduza

Pesquisar na web

Inexplicável...












Os mesmos lugares, a coincidência da sobreposição

dos nossos rastos...

Talvez as mesmas palavras,

os mesmos gestos...

Como se fosse possível duplicar factos,

gestos, palavras, lágrimas ou passos...


Estranhamente, alguém como nós,

ou a sombra dos nossos pensamentos,

continua a divagar pelos mesmos lugares,

como se tivessemos continuado

depois de ter partido...


Vozes, sons inominados, paisagens,

lugares, espaços e tempos,

movimentos e luminosidade,

abraços e beijos...


Algures, há um espaço tempo continuado,

onde o inexplicável habita,

ressuscitando vidas paralelas...


Algures, algo aconteceu na memória

do tempo, na fúria do mar,

confundiu mar e amar,

vento e lamento,

fim e princípio...


Algures, estamos vivos...

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails